Você sabe o que é cosmetovigilância?

Cosmetovigilância é a observação e análise de possíveis efeitos adversos provenientes de produtos cosméticos ou de higiene pessoal.


Atualmente, esse tipo de monitoramento é realizado tanto pelas empresas que produzem produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes, como também pelos órgãos sanitários competentes, por meio de formulários disponíveis em sites ou por telefone.

A análise das notificações auxilia no melhor controle da venda e distribuição desse tipo de produto, uma vez que o Brasil possui um mercado consumidor extremamente ativo na área de cosméticos. Além disso, é possível construir indicadores que subsidiam as ações tanto das empresas quanto dos órgãos de vigilância locais e da ANVISA.

É importante salientar que qualquer pessoa pode realizar a notificação, assim que houver uma suspeita de reação adversa ou queixas é importante procurar auxílio.


 

Ao realizar a notificação é importante registrar informações como:


a) Identificação do usuário do produto (pode ser apenas as iniciais);

b) Nome comercial do produto e lote;

c) Características produto utilizado (validade, aspecto, integridade da embalagem);

d) Forma de uso

e) Relato da queixa (sinais, sintomas, intensidade, local da reação);

f) Outros produtos concomitantes (outros cosméticos);

g) Condições concomitantes ao uso do produto (depilação, exposição ao sol, procedimentos estéticos);

h) Uso de medicamentos

i) Doenças concomitantes;

j) Antecedentes alérgicos


Ademais, com a facilidade da notificação eletrônica, o consumidor conta com agilidade e segurança para registrar seus dados nos formulários de notificação.



Fonte: http://www.cvs.saude.sp.gov.br/faq.asp?te_codigo=25

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo